Conecte-se conosco

Mundo

Grupo de voluntários quer retirar 10 toneladas de lixo do Everest

Publicado

em

Um time de voluntários está empenhado na difícil e ambiciosa tarefa de limpar o monte Everest. Após décadas de alpinismo, o pico mais alto do planeta está coberto de lixo de todo tipo, o que inclui os cadáveres dos que morreram na tentativa de chegar e voltar do cume.

Até agora, em duas semanas de trabalho, o grupo já conseguiu recolher três toneladas de lixo, de acordo com a AFP. A equipe de limpeza conta com 14 membros e tem o objetivo de retirar dez toneladas de detritos em 45 dias.

O Everest Cleaning Campaign retirou da montanha latas vazias, garrafas plásticas e material descartável usado pelos alpinistas. Além disso, quatro corpos também foram localizados a 8.848 metros de altura.

Por causa do aquecimento global, a neve vem derretendo mais rapidamente no Everest expondo um número maior de cadáveres. Mais de 200 alpinistas já morrerem na montanha desde 1922. A maior parte dos corpos continua no Everest.

Um helicóptero militar foi usado para ajudar na remoção do lixo.

Desde 2014, o governo nepalês oferece recompensa para quem voltar à base da montanha com ao menos 8 kg de lixo. E em fevereiro a China proibiu os turistas que não forem escalar o Everest de visitar seu lado da montanha.

Continue Lendo
Clique para comentar

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mundo

Brasileira que narra jogos do Palmeiras para filho cego leva prêmio da FIFA

Publicado

em

A brasileira Silvia Grecco ficou conhecida no Brasil inteiro por narrar os jogos do Palmeiras para o filho Nickollas, de 12 anos, que é deficiente visual e autista. Ganhou o prêmio de melhor torcedor de 2019

“Estamos aqui representando o nosso time o Palmeiras, estamos aqui representando o Brasil e estamos aqui representando todas as pessoas que tem deficiência no mundo” disse a mãe coruja

Continue Lendo

Mundo

Conheça a linha do novo IPhone 11 lançada hoje (10) pela Apple

Publicado

em

Por

As novas versões da linha de celulares da Apple foram anunciadas nesta terça-feira (10) deixando o número romano de lado (olá, iPhone X) e a sopa de letrinhas dos modelos de 2018

A empresa preferiu usar iPhone 11, iPhone 11 Pro e iPhone 11 Pro Max como nomes para seus três novos aparelhos. Os preços para o Brasil ainda não foram divulgados, assim como a data de lançamento, mas, nos Estados Unidos, o modelo mais básico custará US$ 699, valor, um pouco abaixo da versão XR, que chegou ao mundo custando US$ 749 no ano passado.

A grande novidade dos aparelhos é que agora as versões “Pro” funcionam com uma câmera tripla. Pois é, a Apple se rendeu e adotou um recurso já bem utilizado
Design O design mudou muito na parte de trás dos iPhones, o que confirma os rumores que circularem antes do anúncio oficial. A alteração foi feita para encaixar a terceira lente nos modelos “Pro” e acomodar um sensor na versão tradicional. Com isso, um quadrado no canto superior à esquerda passa a abrigar todas as câmeras e o flash. O iPhone 11 estará disponível em seis cores: roxo, verde, preto, branco, dourado e vermelho. Já os iPhones 11 Pro e Pro Max virão em quatro cores: verde, cinza, prata e dourado.

Continue Lendo