Conecte-se conosco

Agenda

Passe Livre vai chegar a todas as cidades do Estado

Publicado

em

O Governo de Goiás terá que enfrentar um dilema deixado pelo governo anterior: o governador Marconi Perillo (PSDB) teria desobrigado as empresas de ônibus a pagarem metade do valor dos passes livres concedidos aos estudantes.

Com a medida, imposta pelo Decreto 7.911/17, o Governo de Goiás se obrigou a pagar sozinho um subsídio que antes era dividido entre governo (que realiza a sua política social) e empresas privadas (que ganham muito dinheiro com a exploração dos serviços de transporte).

Quem ganhou efetivamente com a medida? É só o leitor pensar…

Ao mesmo tempo, a gestão atual terá que enfrentar a maior crítica ao Programa Passe Livre: o fato dele atender apenas alguns municípios.

Ocorre que todos goianos pagam impostos, mas apenas os moradores de Goiânia/região metropolitana, Rio Verde e Anápolis podem contar efetivamente com o benefício – o que é um absurdo inconstitucional, já que a medida atende apenas as elites urbanas.

Ontem, o líder do governo na Assembleia Legislativa de Goiás (Alego), o emedebista Bruno Peixoto, disse que o projeto enviado para os deputados contempla esta ampliação das cidades atendidas e pretende corrigir o erro.

Se aprovado o projeto enviado pelo governo, o Programa Passe Livre ampliará para todas as cidades o programa. O aumento de municípios pode ter impacto negativo nas contas públicas, mas o Governo de Goiás prefere corrigir a distorção e injustiça do que manter o erro herdado.

O deputado estadual Chico KGL (DEM), relator do projeto, já deu parecer favorável para a matéria que será debatida em plenário.

 

 

Continue Lendo
Clique para comentar

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas