Conecte-se conosco

Capital

Prefeitura de Goiânia e Sesc firmam parceria para atendimento a alunos da rede municipal

Inspirado nos mutirões idealizados pelo prefeito Iris Rezende na década de 1960, o Projeto Teia promoverá ações destinadas aos alunos e comunidade escolar com a prestação de serviços nas áreas de lazer, cultura, assistência odontológica e de saúde

Publicado

em

O prefeito Iris Rezende abre leque de parcerias com a iniciativa privada e organizações não governamentais para reforçar ações de cidadania e inclusão social. Nesta quarta-feira (20/03), com o presidente da Federação do Comércio do Estado de Goiás (Fecomércio-GO), Marcelo Baiocchi, foi formalizada cooperação para executar o Projeto Teia, que beneficiará 10 mil moradores. Os alvos são alunos da Rede Municipal de Educação (RME) e comunidade escolar. “Estou certo de que nós vamos, aqui em Goiânia, criar uma nova cultura para o país”, disse Iris.

O objetivo do projeto é ofertar um conjunto de serviços contemplados nos Programas Saúde, Cultura, Lazer e Assistência, em dois dias de programação, sempre às sextas-feiras e sábado, no período das 9h às 17h, a aproximadamente 2,2 mil alunos da rede municipal de ensino da Capital e à população das comunidades onde se situam os estabelecimentos de ensino.

De acordo com a diretora de Desenvolvimento do Sesc Goiás, professora Márcia Carvalho, serão realizadas, a princípio, cinco edições do Projeto Teia, em quatro diferentes regiões da cidade: Norte, Noroeste, Oeste e Leste, em regime de atuação bimestral para cada região. As atividades estão previstas para começar no final de março e vão se estender até meados de dezembro deste ano.

Os alunos receberão tratamento odontológico e oftalmológico, incluindo a distribuição de óculos para os pacientes que necessitarem. O Sesc vai disponibilizar unidades móveis para os atendimentos de odontologia e saúde, além do BiblioSesc, com programação destinada a ‘contações de histórias’ e consultas de livros. Embora as ações tenham duração de dois dias, a unidade OdontoSesc permanecerá com sua prestação de serviços na escola pelo período de 40 a 60 dias, destinando-se ao atendimento exclusivo dos alunos da respectiva unidade de ensino.

“Me sinto realizado em ver a proposta dos nossos mutirões a inspirar entidades como as que integram o sistema Fecomércio/Sesc/Senac”, ressaltou Iris, acrescentando que o verdadeiro sentido desta prática que inaugurou em Goiânia ainda nos anos 1960, durante a primeira gestão como prefeito, é o envolvimento de todos em prol de um bem comum.

Mais lidas